Janelas

Há alguns anos estou registrando as janelas que observo por onde passo. Esses objetos sempre me chamam a atenção ao cumprirem seu objetivo de nos fazer olhar para fora, responsáveis também por proporcionarem uma brisa tranquila em dias irrequietos ou uma cor na paisagem de paredes cinza. Aquelas que delicadamente atraem meu olhar, recebem um tratamento artístico: as vezes são pintadas, as vezes fotografadas, as vezes escritas. De maneira geral, prefiro as mais cotidianas que integram lugares de todos os dias, pois poderiam estar em outras paredes atraindo outros olhares. Selecionei algumas fotografias e compartilho aqui o resultado do ato de parar em frente a janela.

Embora tenha finalizado a arte neste ano (2017), as fotografias foram coletadas ao longo do tempo.

{Textos e imagens protegidos pela Lei do Direito Autoral. Quando compartilhar cite a autora. }

Graciela Campos Jokowiski, Janela, fotografia em celular com tratamento digital, fotografia de 2011. (2017)

Graciela Campos Jokowiski, Janela, fotografia em celular com tratamento digital, fotografia de 2016. (2017)

Graciela Campos Jokowiski, Janela, fotografia em celular com tratamento digital, fotografia de 2015. (2017)

Graciela Campos Jokowiski, Janela, fotografia em celular com tratamento digital, fotografia de 2015. (2017)

Graciela Campos Jokowiski, Janela, fotografia em celular com tratamento digital, fotografia de 2013. (2017)

Graciela Campos Jokowiski, Janela, fotografia em celular com tratamento digital, fotografia de 2013. (2017)

{Textos e imagens protegidos pela Lei do Direito Autoral. Quando compartilhar cite a autora. }

Anúncios